OPenSUSE Kubic agora é uma distro certificada para Kubernetes



A equipe openSUSE Kubic anunciou na ultima terça-feira (22) que a distribuição Kubic se tornou uma distribuição certificada da Kubernetes! Notavelmente, é a primeira distribuição de código aberto do Kubernetes a ser certificada usando o runtime de contêiner CRI-O (uma alternativa ao Docker)!
Agora, o OpenSUSE Kubic se junta as soluções certificadas kubernetes de empresas como Rancher, Mesosphere, Red Hat, Alauda, Canonical, Kublr, Oracle e Vmware.



A equipe Kubic do openSUSE anunciou que a distribuição Kubic é agora uma distribuição certificada do Kubernetes, tornando-se a "primeira distribuição Kubernetes de software livre a ser certificada usando o runtime de contêiner CRI-O". 

A Cloud Native Computing Foundation valida as Certificações de Conformidade do Kubernetes para garantir que "versões, APIs e tudo mais relacionado estejam corretas, presentes e funcionando conforme o esperado, para que os usuários e desenvolvedores possam ter certeza de que suas soluções baseadas no Kubernetes funcionarão com facilidade no futuro."


Por que o Kubic?

O Kubic surgiu em 2017 com foco nas tecnologias de container (MicroOS e o conceito de Container as a Service).
O Kubic é a distribuição da OpenSUSE com foco em containers, fornecendo aos usuários as versões mais recentes de ferramentas como Podman , CRI-O , Buildah e Kubernetes.
Certificando o Kubic com a CNCF,  a OpenSUSE coloca uma terceira parte imparcial que analisa a distribuição, verifica os pacotes, bem como a documentação e dá aos desenvolvedores e empresas a aprovação para o uso da distro open source em suas soluções.

Tumbleweed e Kubic são duas distros em rolling release mais estáveis atualmente, e com as ferramentas Open Build Service e a openQA , eles possuem um pipeline estabelecido que garante que apenas seja lançado um software quando ele é construído e testado de forma coletiva e reproduzível. Além destas, a maturidade do OpenSUSE com o BTRFS (om snapshot/rollback habilitado) e o Snapper, bem como as atualizações transacionais garantem que qualquer reversão possa retornar um sistema a um estado limpo em uma única operação e que mesmo no caso de uma mudança indesejada ou mudança desfeita,  os usuários podem reverter imediatamente.



O que é a certificação Kubernetes?

As tecnologias de contêineres em geral, e o Kubernetes em particular, estão se tornando cada vez mais comuns e amplamente adotados por entusiastas, desenvolvedores e empresas em todo o mundo. Um grande ecossistema de software e soluções está evoluindo em torno dessas tecnologias. Cada vez mais desenvolvedores estão pensando em “Cloud Native” e produzindo seus softwares em contêineres primeiro, geralmente direcionando o Kubernetes como sua plataforma pretendida para orquestrar esses contêineres. E, sem rodeios, eles querem que o software funcione.

Mas o Kubernetes não é como algum outro software com esse tipo de adoção ampla. Mesmo sendo usado em cenários grandes e pequenos, de pequenos laboratórios de desenvolvedor a grandes sistemas de infra-estrutura de produção, o Kubernetes ainda é um projeto em rápida evolução, com novas versões aparecendo com frequência e tempo de suporte mais curto do que outros projetos similares. Isso apresenta desafios reais para as pessoas que desejam baixar, implantar e executar clusters do Kubernetes e sabem que podem executar o que quiserem em cima.

Quando você considera a base de código em rapida evolução e a diversidade de soluções que fornecem ou integram o Kubernetes, há muitas partes móveis fornecidas por muitas pessoas. Isso pode parecer arriscado para algumas pessoas e levam-na a duvidar que algo construído para o Kubernetes hoje possa não funcionar amanhã.

Para previnir isto, a Cloud Native Computing Foundation (CNCF) estabeleceu a Certificação de Conformidade de Software da Kubernetes. As soluções certificadas da Kubernetes são validadas pelo CNCF. Eles verificam se versões, APIs e outras estão corretas, presentes e funcionando conforme o esperado, para que os usuários e desenvolvedores possam ter certeza de que suas soluções baseadas no Kubernetes funcionarão com facilidade, hoje e no futuro.



Pagina oficial do cri-o:
https://cri-o.io/

Pagina oficial do Kubic:
https://kubic.opensuse.org/

Cloud Native Computing Foundation:
https://www.cncf.io/certification/software-conformance/

fonte:
https://news.opensuse.org/2019/01/24/kubic-is-now-a-certified-kubernetes-distribution/

Comentários